Telefone: (11) 4399-3132 | 4341-3110 | 4200-0767
Blog

Entenda como é feito um ensaio de tensão aplicada em cabos e suas vantagens

Entenda o processo de análise físico-quimica de óleo mineral

A identificação de gases é essencial para medicação da qualidade do óleo isolante e identificação de problemas. Saiba mais sobre a análise cromatográfica aqui

Pouca gente sabe disso, mas a análise cromatográfica de óleo isolante é muito importante no dia a dia de empresas de pequeno, médio e grande porte que trabalham com máquinas e equipamentos que precisam de óleos isolantes e que, principalmente, querem evitar problemas e custos inesperados com manutenções urgentes. Trata-se de uma análise de altíssimo padrão e que também é conhecida como ensaio de gases dissolvidos e cromatografia gasosa. Quer saber mais detalhes sobre tudo isso? Continue a leitura do post de hoje, aqui no blog da Lorencini Brasil.

Veja as principais etapas da análise cromatográfica de óleo isolante

  • Coleta: uma quantidade mínima de óleo isolante é retirada de determinado equipamento e levada de forma inalterada à análise laboratorial. Para tal, normalmente, técnicos especializados utilizam um tipo de seringa especial.
  • Extração de gases: o passo seguinte é a extração dos gases responsáveis pela contaminação do óleo.
  • Análise dos gases: estes mesmos gases são separados e analisados para sua identificação e quantificação. A comparação entre gases pode ser feita através de alguns métodos, como método Rogers e método Gás-chave.

Dentro deste cenário, podemos apontar logo abaixo quais são os gases mais comuns que podem ser encontrados a partir de uma análise cromatográfica de óleo isolante. Confira:

  1. Acetileno (C2H2).
  2. Etileno (C2H2).
  3. Hidrogênio (H2).
  4. Monóxido de Carbono (CO2).
  5. Dióxido de Carbono (CO2).
  6. Hidrogênio (H2).
  7. Metano (CH4).

 

A identificação de gases é importante porque pode apontar, dentre vários outros fatores, as causas de problemas relativamente comuns no dia a dia de empresas que possuem máquinas e equipamentos que utilizam óleos isolantes, como fuga de energia, sobrecarga devido ao superaquecimento, descargas elétricas, mal contato entre componentes e assim por diante.

Basicamente, podemos definir a análise cromatográfica de óleo isolante como uma técnica que identifica a concentração de gases dissolvidos no óleo e os problemas que estes causam. Justamente por isso, é um serviço muito essencial e que deve ser tratado como prioridade quando pensamos em manutenção preventiva.

Importância da análise cromatográfica de qualidade

Empresas de ponta sabem que a análise cromatográfica é fundamental nos dias de hoje. E também sabem que faz toda a diferença contar com o atendimento e especialização de quem realmente entende do assunto, afinal este é um serviço que exige conhecimento apurado e tecnologia de ponta para obtenção de amostras e análise.

É neste ponto que a Lorencini Brasil entra em ação! Por aqui, você conta com o suporte de uma empresa que lida com este tipo de análise no dia a dia. Nosso time é formado por profissionais experientes e que trabalham com o que há de mais moderno em termos de tecnologia laboratorial.

Que tal entrar em contato AGORA? Envie hoje mesmo o seu e-mail AQUI ou, se preferir, ligue para a nossa central de atendimento. Anote os telefones: +55 (11) 4399-3132 | 4341-3110 | 4200-0767. Você também pode enviar mensagens de áudio e texto por WhatsApp, sabia? Pelo contato: +55 (11) 98971-5015.

Desenvolvido por: AO5 Marketing Digital

Fale por Whatsapp